2001- NOVA ESPERANÇA PARA IDOSOS DA COVA DA PIEDADE

CMultimo
Residenciapadrericardo

2001

Os corredores, pátios e recantos têm nomes de flores (amor-perfeito, rosas, papoilas), ervas aromáticas (alecrim) e regiões portuguesas (do Minho ao Algarve); os quartos são amplos e têm televisão; as varandas convidam ao repouso enquanto a vista se regala com a pequena fonte refrescante e as manchas de verde no pátio interior. É neste ambiente que, a partir de amanhã, com a inauguração da Residência de Nossa Senhora da Esperança, na Cova da Piedade, muitos idosos da zona vão passar os seus dias. A nova unidade, que funciona como centro de serviços múltiplos para idosos, é da responsabilidade do Centro Paroquial de Bem Estar Social da Cova da Piedade e tem três valências: Centro de Dia (para 100 pessoas), Apoio Domiciliário (75 pessoas) e Residência (60 pessoas). A residência de Nossa Senhora da Esperança tem quatro pisos e dispõe de uma lavandaria, biblioteca, refeitório (com capacidade para fornecer 300 refeições diárias), cabeleireiro e barbeiro, enfermarias, sala de estar e capela. Destaque, desde já, para a existência em cada piso de uma banheira especialmente concebida para quem necessita de banho assistido. Para além de funcionar como Centro de Dia e Residência, o novo equipamento também vai prestar serviços numa área que o padre Ricardo considera muito importante: o apoio domiciliário. Esta ajuda toma forma através do fornecimento de refeições, lavagem de roupa e higiene pessoal. “Este é um sonho tornado realidade. A obra que amanhã inauguramos deve-se, acima de tudo, a um grande dinamismo da comunidade cristã e ao apoio da câmara de Almada, que nos cedeu o terreno. Coube ao Estado incluir verbas no PIDDAC para este equipamento”, disse ao CM o padre Ricardo, grande impulsionador da Residência de Nossa Senhora da Esperança e responsável por muitas obras de cariz social na Cova da Piedade. “Sou padre para o serviço de Deus e do próximo, não sou padre apenas para a missa. Estou atento aos problemas do dia-a-dia. Cristo foi ao encontro dos que sofrem. E a melhor maneira de fazer passar a mensagem do Evangelho é fazer obras. A mensagem de Cristo é vida”, afirmou o padre Ricardo. “Este equipamento pretende fazer passar uma mensagem: que as pessoas olhem e tratem com amor e carinho os idosos, o mesmo amor e carinho com que nós erguemos esta obra. Os idosos, com a sua experiência, têm muito para nos ensinar. Não os devemos encarar como móveis usados”, sublinhou o padre Ricardo.

ricardob

Gabriel Quaresma

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s